Como um software ERP pode auxiliar no controle de qualidade industrial?

Uma indústria pode adotar inúmeras ações para impulsionar sua marca, apresentar um diferencial competitivo, otimizar o fluxo de produção e fazer de tudo para minimizar perdas e prejuízos. No entanto, nada disso é possível sem um efetivo controle de qualidade industrial.

Afinal de contas, em meio a tanta competitividade e milhares de informações, a empresa que realmente se destaca no mercado é a que se mantém constantemente focada em inovar e aperfeiçoar seus produtos. Em outras palavras, gestores sem medo de deixar os métodos tradicionais para trás, nem de implementar soluções tecnológicas para garantir a qualidade são aqueles que saem na frente e transformam os resultados de um negócio.

Diante do contexto, neste post apresentamos a importância e os impactos que o controle de qualidade industrial tem para o sucesso e desenvolvimento de um negócio, além dos principais benefícios de contar com um software ERP para isso. Continue a leitura e confira!

Qual a influência do controle de qualidade no desenvolvimento industrial?

Qualidade é um fator primordial nos dias de hoje. Tanto as empresas quanto os consumidores apresentam um nível de exigência cada vez maior com relação ao padrão dos produtos e serviços. Dessa forma, o mercado já não dá espaço para quem não busca por excelência incessantemente.

Nesse sentido, uma vez que tudo isso está atrelado a bons resultados, o controle de qualidade impacta de maneira direta no desenvolvimento industrial. Ele introduzi padrões de eficiência nas condutas e nos processos inerentes às atividades produtivas.

Uma cultura de melhoria contínua na indústria é conduzida pelo estabelecimento de diretrizes e testes de qualidade para o correto acompanhamento de seus materiais, insumos e itens acabados. Isso significa que o rigor técnico e o atendimento às normas são condutas essenciais em todos os protocolos.

E o papel da tecnologia?

Existe um grande objetivo ao implementar recursos de tecnologia capazes de facilitar a gestão e o controle de qualidade industrial por meio de um sistema ERP. Trata-se da organização e centralização das informações, que têm seu fluxo assegurado por toda a operação.

Isso permite um acesso rápido e confiável aos relatórios gerenciais e respectivos dados. Além disso, possibilita tomadas de decisões baseadas em referências reais.

A seguir, confira como algumas funcionalidades de um bom ERP contribuem dentro desse cenário.

Ajuda a evitar falhas

Uma das principais aplicações do ERP para o controle de qualidade industrial é a possibilidade de criar regras para que o próprio sistema defina automaticamente os lotes dos produto.

Entre outros benefícios, isso evita erros de digitação, que podem comprometer e afetar de maneira bastante negativa uma parte da produção, além de permitir a análise de falhas.

Predefine diretrizes e testes de qualidade

O sistema ERP oportuniza a geração de pedidos com testes e critérios específicos, comparando e registrando todos os parâmetros predefinidos. Nas situações em que há não conformidades ou falta de adequação dos produtos, também é possível:

  • incluir notas explicativas;
  • vincular pedidos de não conformidades;
  • estimar custos adicionais para a adoção de medidas corretivas.

Integra informações

Ao integrar os processos e os inúmeros dados padronizados gerados pelas atividades rotineiras de uma indústria, os setores também se integram. De quebra, portanto, reduzem-se as eventuais falhas por erro de comunicação e minimizam-se os problemas relacionados à falta de sincronização entre planilhas e sistemas não integrados.

Esse aspecto vai mais além, uma vez que facilita o aprendizado da atividade da indústria. Afinal, mesmo que envolva diversos departamentos, toda a gestão fica concentrada em apenas um local. Assim, também se vislumbra um cenário bem mais propício e adaptado para se adequar às normas ISO 9000 e implantar sistemas de qualidade de produção.

Torna os processos mais eficazes

O monitoramento frequente dos indicadores de desempenho consiste em mais uma atribuição de um ERP para a qualidade. Evidentemente, isso é algo fundamental para garantir a eficiência em todos os processos de produção. Isso porque o acompanhamento permite que a gestão observe, entre outros fatores:

  • os motivos mais relevantes das não conformidades;
  • as taxas de não conformidades por itens;
  • o tipo de produto;
  • a espécie de defeito.

Além disso, também é possível inspecionar a qualidade em todas as etapas de cada processo produtivo, relacionando os desvios entre os resultados das inspeções e os parâmetros ideais predefinidos.

Trata-se de uma análise completa e capaz de fazer com que os gestores tomem decisões mais acertadas e baseadas em dados seguros e confiáveis.

Aumenta a produtividade

Por fim, com todos os processos em ordem e o gestor direcionando as tarefas corretamente, a empresa ganha fôlego suficiente para aumentar sua capacidade produtiva. E o mais importante: sem precisar abrir mão da qualidade.

O acréscimo de produtividade, tanto por parte dos colaboradores quanto das máquinas, sem dúvidas é uma das principais vantagens diretas obtidas ao implementar um software ERP.

Por meio da adoção de uma solução como essa, controla-se toda a cadeia de produção e se identifica onde há subutilização de recursos, para então adotar novas estratégias e aproveitar todo o potencial de um sistema de manufatura.

Qualifica melhor a equipe

No setor de pessoal, a necessidade de retrabalho causada pela utilização de diversas planilhas ou pela falta de integração de sistemas distintos é eliminada. Além disso, também fica mais fácil aplicar algumas regras de meritocracia, identificando e premiando os melhores talentos da empresa.

Tudo isso reforça o aumento de produtividade e motiva até mesmo uma competição saudável, enquanto o desempenho e os resultados do negócio também são alavancados.

Apoiados pelos benefícios de um software ERP, os profissionais conseguem ainda reduzir os custos relacionados ao tempo de produção que, se não forem adequadamente monitorados, com certeza prejudicam a lucratividade.

Além da apuração exata desses custos, o FoccoERP contribui de modo significativo com o controle de qualidade industrial. As informações recebem um plus de precisão, gerando condições comerciais mais competitivas no mercado. Também vale reforçar que a Focco tem expertise em diversos segmentos, entre eles têxteis, móveis, couros, moinhos, químicos, eletrônicos e plásticos.

Este post foi útil para você? Então entre em contato conosco agora mesmo e solicite uma avaliação de aderência para verificar a viabilidade de implantação do FoccoERP em seu negócio!

E-book - Manual sobre Automação Industrial - Baixe grátis

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

Fazemos parte do movimento #OpenWeStand

X
vendas complexas - notebook ao fundo e diversos ícones conectados representando gráficos, pessoas, dados entre outras coisasplanejamento comercial 2021 - equipe comercial analisando dados e projetando metas