Quais os principais riscos em um vazamento de dados da empresa?

Muitos são os problemas de segurança digital que podem afetar um negócio. Um dos piores é o vazamento de dados. Ele ocorre quando a companhia falha em manter controles rígidos sobre a sua infraestrutura e, com isso, dá acesso aos seus registros para as pessoas incorretas.

Proteger-se contra um vazamento de dados deve ser prioridade em qualquer empresa. A transformação digital está ampliando a quantidade de informações que são digitalizadas. Isso exige uma postura mais ativa de gestores para proteger os seus dados de ameaças como o ransomware e evitar situações de risco.

Quer saber mais sobre o tema e como isso pode ser feito? Então acompanhe a leitura para conferir.

O que é um vazamento de dados?

O termo vazamento de dados é utilizado sempre que uma pessoa obtém acesso não autorizado aos dados de alguém e faz o compartilhamento dos mesmos. Esse tipo de situação pode ocorrer a partir de dois casos:

  • ataques direcionados, em que o invasor consegue convencer o usuário a dar o acesso aos seus registros por meio de engenharia social;
  • exploração de brechas de segurança em sistemas, que sejam conhecidas e que não tenham sido corrigidas pelos usuários.

Quais os impactos que um vazamento de dados traz para o negócio?

Independentemente da forma como a sua empresa é atacada, os prejuízos de um ataque que obtém o sucesso esperado podem ser grandes. O maior deles será em relação à marca e o seu posicionamento diante de clientes e parceiros comerciais. Isso porque um vazamento de dados passa a imagem de que a companhia não é boa em lidar com registros privados de terceiros, o que reduz a sua confiabilidade.

Há também uma queda de produtividade proporcionada pela interrupção das atividades, o que gera um impacto direto nas receitas de vendas. Além disso, ninguém deseja fazer negócios com uma empresa que não sabe proteger seu banco de dados de ameaças digitais. Como consequência, o negócio perderá vendas e terá mais dificuldades para conquistar novos clientes.

Vazamentos de dados também podem levar a perdas financeiras diretas e indiretas. Leis como a LGPD, por exemplo, permitem a aplicação de multas para quem não souber lidar com a privacidade de clientes corretamente. Ao mesmo tempo, o negócio pode sofrer processos judiciais caso alguns clientes sintam-se muito prejudicados pelos dados vazados.

O negócio também terá uma queda de produtividade em função do vazamento de dados. Documentos sigilosos ou que não tenham backup podem ficar inacessíveis, impedindo que as operações normais sejam executadas. E ainda que a empresa tenha uma política de backup robusta, ela terá que esperar a restauração das informações para retornar a suas atividades.

Como evitar o vazamento de dados?

O vazamento de dados pode ser evitado com vários processos. Cada um deles facilita a prevenção e o ataque a possíveis problemas. Assim, o negócio se torna mais eficaz ao lidar com os riscos existentes e a sua infraestrutura ganha confiabilidade.

Veja a seguir algumas medidas que podem ser adotadas para otimizar a sua infraestrutura de TI e impedir que ataques ocorram!

Tenha profissionais focados na segurança do negócio

A empresa que toma a privacidade digital como uma de suas prioridades pode disponibilizar um time apenas para gerenciar a sua política de segurança de dados. Esses profissionais serão responsáveis por rastrear e corrigir brechas de segurança. Além disso, também caberá a eles capacitar usuários e garantir que todos os procedimentos voltados para impedir problemas sejam executados.

Invista em boas práticas

O gestor de um negócio deve sempre disseminar boas práticas para evitar vazamentos. Como apontamos, muitos ataques só ocorrem se o usuário interagir com a ameaça. Por isso, divulgue cuidados como:

  • utilizar senhas complexas;
  • adotar a autenticação de dois passos sempre que possível;
  • não compartilhar senhas ou códigos de autenticação com terceiros;
  • desabilitar a execução automática de macros em arquivos do pacote Office;
  • não compartilhar arquivos por meios inseguros;
  • sempre confirmar o envio de e-mails com anexo diretamente com o remetente.

Mantenha regras de controle de acesso

As regras de controle de acesso são uma prática comum em empresas com uma grande infraestrutura de TI. Com elas, o negócio limita o acesso a dados apenas para o que é realmente importante. Assim, se uma conta for comprometida, as chances de ela impactar toda a empresa serão muito menores.

Faça o backup dos seus dados

O backup de dados deve ser feito regularmente e priorizando informações mais importantes. Além disso, cada cópia deve ser salva em mais de um local e testada regularmente. Desse modo, a empresa pode garantir que as suas operações poderão ser retomadas rapidamente se algo ocorrer.

Tenha uma política de aplicação rápida de updates

Sempre que um novo update for lançado, a empresa deve validar e aplicá-lo o mais rápido possível. Isso evita a exposição do usuário a brechas de segurança que já tenham sido solucionadas. Ao mesmo tempo, facilita o acesso da empresa a novos recursos e possibilidades de uso das soluções de TI.

Aposte em uma consultoria

Nem sempre a empresa tem os recursos técnicos para integrar as melhores práticas de segurança de dados no ambiente corporativo. Nesse caso, a melhor abordagem é contar com o apoio de uma consultoria. Assim, ela orientará os times a executar um plano de ação a partir das tendências na área e alinhado com o perfil do seu público-alvo.

A infraestrutura de TI se tornou um ativo fundamental para o sucesso de empresas. Com ela, empreendimentos podem ampliar o seu nível de automação e evitar gargalos operacionais. Além disso, a empresa consegue agregar valor aos dados disponíveis e se posicionar de modo mais competitivo diante das demandas de clientes e parceiros comerciais.

Mas, para conseguir aproveitar os recursos existentes, a empresa deve tomar um cuidado contínuo com a segurança digital. É preciso estruturar mecanismos e estratégias que evitem o aproveitamento de brechas de segurança. Além disso, a companhia deve estar sempre pronta para lidar com possíveis ameaças.

Por isso, não deixe de investir em práticas que possam ajudar a evitar o vazamento de dados. Isso dará mais disponibilidade para os seus recursos computacionais. Ao mesmo tempo, garantirá a confiabilidade que a empresa precisa para conseguir conquistar clientes.

Quer saber mais sobre como uma consultoria pode ajudar você? Então fale com a gente e tire agora mesmo as suas dúvidas!

e-book LGPD - baixe grátis

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

Fazemos parte do movimento #OpenWeStand

X
O que é RPA - Homem de capacete e óculos, com casaco azul escuro e amarelo utilizando tablet em uma indústriabusiness intelligence tomada de decisão - grupo de pessoas observando computador com estatísticas de negócio