Conheça os principais benefícios de ter uma loja online para a indústria

Como sua marca faz para ampliar a presença no mercado? Em quais canais ela investe visando vender mais? Os compradores criam um relacionamento direto com o negócio ou precisam de alguma mediação? Quando um mediador (distribuidor, vendedor, representante de venda etc.) decide parar de oferecer seu produto, como fica o faturamento?

Se a resposta para as perguntas acima não foi muito positiva, saiba que boa parte dos riscos implícitos podem ser reduzidos com uma loja online para a indústria.

Segundo dados da 42ª edição do Webshoppers, relatório sobre e-commerce elaborado pela Ebit|Nielsen, em parceria com a Elo, o faturamento do e-commerce brasileiro voltado ao consumidor final ultrapassou, em 2020, R$ 60 bilhões e atingiu 148 milhões de pedidos, mesmo com a instabilidade gerada pela pandemia do Covid-19.

Esse cenário demonstra a importância do comércio eletrônico para todos os setores, tornando um canal de vendas fundamental atualmente, sobretudo devido à maior conectividade dos usuários. Diante disso, acompanhe o nosso artigo e entenda por que investir no ambiente online. Confira!

Quais são os principais benefícios de contar com uma loja online?

A experiência de compra tem um papel fundamental hoje em dia, e a internet facilita bastante esse processo, poupando o tempo do consumidor. Isso joga a favor da adoção de uma loja online para a indústria, cujas grandes vantagens você confere a seguir.

Redução do esforço de vendas

De modo geral, as lojas online contribuem para a redução do esforço de vendas, ou seja, a utilização de sistemas de informações proporciona uma gestão mais eficiente, com geração de leads, levantamento de dados, organização de contatos, agendamento de chamadas e rastreamento de desempenho.

A estratégia é bem-vista, pois diminui a necessidade de contratar mais vendedores para: captar novos compradores; fazer pedidos de empresas já fidelizadas; e ofertar produtos aos decisores do seu segmento de atuação.

Além disso, ela gera uma economia com eventos, deslocamento de vendedores, comissionamentos e impressão de catálogos, potencializando ainda mais os recursos financeiros da empresa.

Ampliação da penetração de mercado

A facilidade de romper barreiras geográficas também é vista como uma vantagem das lojas online para a indústria. Atuar em outros estados ou cidades representa um desafio operacional, logístico e comercial sob a ótica das empresas de manufatura.

O e-commerce elimina o obstáculo comercial e permite que ações de marketing, sobretudo digitais, abram espaço em mercados com alta concorrência ou inexplorados. Assim, é possível aumentar as vendas consideravelmente.

loja online para indústria - mãos digitando em um notebook e ícones que representam o comércio eletrônico

Interação direta com os clientes

Cerca de 90% das pessoas utilizam a pesquisa online para iniciar uma compra B2B, e 7 em cada 10 consumidores B2B assistem a um vídeo sobre o produto ou a empresa antes da decisão de uma compra. Além disso, apenas 16% dos decisores querem a ajuda de um vendedor no estágio inicial do processo de seleção do fornecedor.

Uma loja online para a indústria ajuda os seus produtos ou serviços a marcarem presença, mesmo nos momentos em que um potencial cliente não fez nenhum tipo de contato com o time comercial.

Essa interação direta pode ser melhor aproveitada em situações de recompra e fidelização de clientes. Afinal, a partir de um processo rápido e sem interação com outras pessoas, o comprador consegue indicar o que deseja da sua indústria.

Estímulo à inovação

Inovar representa um aspecto importante na era digital e, com uma loja virtual, é necessário se manter atento às diversas possibilidades. É essencial entregar ao seu cliente sempre a melhor experiência de compra.

A interação direta por meio do comércio online também permite a realização de pesquisas com decisores e compradores sobre o que aperfeiçoar ou criar em seu portfólio de produtos. Usando intermediários, em geral, esse tipo de ação tem baixa adesão, comprometendo a busca por inovações e incrementos na linha de produtos.

Facilidade na coleta de dados

A coleta de dados figura entre os grandes benefícios para as indústrias que pretendem abrir uma loja online. Isso porque as informações são extremamente importantes para auxiliar na avaliação do perfil e das necessidades dos consumidores.

Além disso, quanto maior o volume de informações extraídas dos seus clientes e leads, mais eficiente se orna a experiência que dá suporte à comunicação inteligente na plataforma de e-commerce. Cabe ressaltar que, com o avanço do Big Data, os dados estão disponíveis facilmente e podem ser utilizados em outras estratégias.

Acréscimo de competitividade ao preço

Em um mundo marcado pela crescente personalização dos produtos, ter um canal digital à disposição permite a comparação de preços, atributos e interações. Por isso, a qualidade e o preço competitivo consistem nos principais diferenciais a serem expostos.

De modo geral, o preço competitivo é uma maneira que os varejistas têm de estabelecer seus preços online com base na concorrência, em vez de valores orientados ao consumidor.

Obviamente não se trata de uma tarefa fácil, mas a precificação no e-commerce se torna essencial para conquistar destaque no mercado.

Crescimento da visibilidade

É fato: uma grande vitrine online atrai muitos clientes. Por facilitar a disponibilização de todos os produtos e o relacionamento com fornecedores e clientes, a loja online melhora a interação e aumenta a visibilidade no mercado.

Isso acontece, principalmente, porque as estratégias criadas pelo e-commerce para acompanhar as tendências do mercado fazem com que a indústria se aproxime do cliente. Com isso, a indústria consegue compreender melhor os desejos, hábitos e costumes de compra, melhorando ofertas e adquirindo, assim, um maior alcance de vendas.

Quais são os desafios de abrir uma loja online e como superá-los?

Apesar de todos os benefícios apresentados, abrir uma loja online para a indústria é uma estratégia que precisa do alinhamento de todos os envolvidos no processo de venda, desde fornecedores até distribuidores.

Além disso, os dados precisam ser atualizados e válidos. Assim, descrições dos produtos, preços, promoções, estoque, entre outras informações, devem estar corretas na plataforma. Dessa forma, é possível garantir a satisfação do cliente final e reduzir possíveis prejuízos associados a problemas de logística.

Outro desafio encontrado por uma indústria que deseja entrar no mundo do comércio virtual é a adequação da política de atuação, especialmente se pretende adotar uma abordagem B2C. Ao lidar diretamente com o consumidor final, o empreendedor precisa se ajustar para transformações que podem surgir, como novos tipos de fiscalização, por exemplo.

Muitas indústrias ainda sentem grande receio em migrar suas vendas para o ambiente virtual, e assim continuam dependentes do modelo tradicional, com representantes e vendas em lojas físicas. Para superar esse desafio, o ideal é analisar alguns cases de sucesso do setor, em que indústrias encontraram no e-commerce a maneira perfeita de vender seus produtos, como a Dell e a Brastemp.

O momento de investir nessa plataforma é agora! Contar com uma loja online para a indústria pode representar o elemento decisivo a favor do crescimento exponencial do seu negócio. Não deixe essa alternativa incrível de fora do seu planejamento!

Este texto foi útil para você? Quer conferir novos conteúdos de valor? Aproveite a visita ao blog e conheça as dicas de como potencializar a força de vendas de forma eficaz!

Guia completo sobre vendas B2B pela internet - Clique para baixar o e-book

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

controle de estoqueautomação de processos